Scifiworld

Galeria e atrás das câmaras para "The Babadook"

el  Sunday, 22 February 2015 22:45 Written by 

Lançamento do filme nos EUA em DVD será em Abril.

"The Babadook" foi um dos filmes mais importantes do ano passado. A excelente história de terror psicológico escrita e realizada por Jennifer Kent, e protagonizada por Essie Davis, Daniel Henshall e o pequeno Noah em estreia na arte. O filme conquistou o Prémio para Melhor Actriz (Essie Davis) e o Prémio Especial do Júri na 47ª edição do Festival Internacional de Cinema Fantástico da Catalunha, Sitges 2014, além do prémio para Melhor Primeira Obra nos New York Film Critics Circle Awards.

Em "The Babadook" vemos como seis anos depois da violenta morte do seu marido, Amelia (Essie Davis) continua perdida tentando educar Samuel (Noah Wiseman), o seu filho de seis anos, que vive aterrorizado por um monstro que lhe aparece em sonhos em ameaça matá-los.

Por cá o filme já esteve no MOTELx (onde esgotou), já teve estreia comercial e já saiu em DVD. Por isso talvez já se possa falar um pouco mais abertamente sobre este título. No início a realizadora reflectiu da seguinte forma sobre o filme. Concordam?

“Fascina-me o que acontece às pessoas quando reprimem os seus sentimentos, sobretudo os dolorosos. Reprimí-los pode funcionar momentaneamente, até durante uns anos, mas no final a verdade vê sempre a luz.

Amelia, a personagem central do filme, passa pela horrorosa e violenta perda do marido, o amor da sua vida, num terrível aidente de carro que tem lugar quando vão a toda a velocidade a caminho do hospital, com Amelia em trabalho de parto para o primeiro filho. O dia em que morre o marido, é também o dia de nascimento do seu filho Samuel. O filme começa quase sete anos depois.

Amelia descobre que não pode amar o filho porque ainda não foi capaz de enfrentar a dor do que aconteceu. A dor desse evento consome-lhe tal quantidade de energia, criva-se nela, para logo a possuir e a impulsionar a assassinar o filho de 6 anos. O terror da história gira fundamentalmente em torno dessa questão do amor materno. Como pode alguém ver que uma mãe. o símbolo mais antigo e fiável do amor e da protecção, se transforme numa terrível força de destruição assassina? Como pode um menino de 6 anos superar algo assim?

Esta precária relação Amelia e Samuel é também onde reside a esperança deste filme. Babadook é, além do terror, uma história de amor, de uma mãe que atravessa o inferno para chegar até ao seu filho. É uma viagem de pesadelo, mas tal como Amelia, os espectadores são recompensados pela sua dedicação ao mesmo.

Tiro muito inspiração dos primeiros filmes mudos de terror. Eram visualmente belos e deslumbrantes, e alcançavam em muitas ocasiões cotas poéticas. Esse é o nosso ponto de partida visual para Babadook: obter inspiração nesses atrevidos mundos visuais e oferecer a nossa própria versão moderna e pessoal dos mesmos. Estas películas tinham uma grande influência do expressionismo alemão, ‘tiravam para fora o interior’, exteriorizavam as emoções, reflectindo-as no desenho e no manejo da câmara. Este estilo tão marcado cria uma linguagem visual perfeita para uma fita de terror psicológico.

Tendo em conta a horrorosa força desta história, o compromisso da nossa equipa era oferecer um novo e cativante mundo visual, e o potencial para conseguir interpretações impactantes nos papéis de mãe e filho, tenho completa fé que Babadook será um filme visualmente fascinante, tremendamente comovente e absolutamente aterrador. Tem suficientes elementos de cinema de género para tornar-se reconhecido para um público mais amplo, mas também possui suficiente originalidade, audácia e profundidade para torná-lo distinto de qualquer outro filme que os espectadores alguma vez tenham visto".

Crítica na SciFiWorld

 

Featurettes
{youtube}213mAehmoCQ{/youtube}
{youtube}Uw5JB5d4YU4{/youtube}


Galeria (em vídeo e tradicional)
{youtube}9skYG4FIv-8{/youtube}

Leave a comment

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.

Mais Vistos

 

C/ Celso Emilio Ferreiro, 2 - 4°D
36600 Vilagarcía de Arousa
Pontevedra (España)

Redacción: 653.378.415

[email protected]

Copyright © 2005 - 2022 Scifiworld Entertainment - Desarrollo web: Ático I Creativos